Zelaya agradece EUA por revogação de visto de golpistas

O presidente deposto de Honduras Manuel Zelaya elogiou a decisão do governo dos EUA de revogar o visto de quatro funcionários do governo de Roberto Micheletti.

“Acho que é uma medida correta, entendo eu, para enviar uma mensagem à sociedade hondurenha de que o Departamento de Estado e o Governo Obama não apóia esta interrupção da ordem democrática no país”, afirmou, pedindo a Washington para manter a pressão contra essa ditadura.  

Os EUA informaram que revogou quatro vistos de membros do governo de Micheletti, algo que foi recebido por representantes do líder deposto como um “bom sinal”.

O Departamento de Estado também anunciou que os EUA revisavam os vistos diplomáticos de pessoas que apóiam o governo “interino”.

Zelaya, na Nicarágua, disse esperar que, “nas próximas horas, o próprio Departamento de Estado americano possa anunciar os nomes das pessoas que tiveram o visto cancelado”.

“Eu acho que é uma medida correta e que os EUA devem seguir insistindo para que apertem mais os golpistas e darem uma demonstração muito evidente da rejeição a esse golpe”, disse.

Com agências

Anúncios

Sobre Osvaldo Bertolino

Jornalista, natural de Maringá — Noroeste do Paraná.
Esse post foi publicado em América Latina, Estados Unidos e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s