Amorim: acordo com Paraguai é justo, equilibrado e bom para os dois países

O ministro das Relações Exteriores do Brasil, Celso Amorim, afirmou que o acordo Brasil-Paraguai sobre a energia de Itaipu é justo e equilibrado e bom tanto para o Brasil quanto para o Paraguai, mas lembrou que ainda terá que ser referendado pelo Congresso Nacional.  

Acho que é um acordo justo e equilibrado e se vocês olharem bem verão que não é somente um acordo sobre Itaipu, mas tem também uma parte que fala sobre os brasileiros que moram no Paraguai – e que não são poucos. Ele engloba um conjunto de medidas que refletem o nosso desejo de viver bem com os nossos vizinhos”, afirmou.

O chanceler ressaltou o fato de o Brasil ser hoje um país que se distingue de outras nações em várias partes do mundo, inclusive na Europa, pela relação pacífica mantida com os vizinhos da América do Sul.

“Uma das coisas que distingue o Brasil hoje é que nós temos 10 países vizinhos de fronteira e temos um entorno totalmente pacífico. Se você observar os problemas que existiram na Europa no ano passado — relativo ao fornecimento de energia durante o inverno — vocês verão o quanto nós estamos atuando com prudência e de maneira adequada para melhor servir os interesses brasileiros”, disse.

Com agências

Sobre Osvaldo Bertolino

Jornalista, natural de Maringá — Noroeste do Paraná.
Esse post foi publicado em América Latina, economia e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s