Equador pode ser mais um a adotar o sistema brasileiro de TV digital

O Brasil apresentou na segunda-feira, 20, a tecnologia japonesa ISDB-T (Integrated Systems Digital Broadcasting Terrestrial), adaptada ao SBTVD (Sistema Brasileiro de Televisão Digital), ao governo de Equador, que pode vir a escolher o padrão nipo-brasileiro de TV digital.

A visita foi solicitada pelo presidente do Equador, Rafael Correa.

O governo vizinho está em processo de escolha do padrão de TV Digital a ser adotado. Há dois meses, o Equador vem fazendo testes com transmissores digitais cedidos pelo Brasil para conhecer a tecnologia já adotada por Japão, Brasil e Peru.

O Equador avalia os sistemas de TV digital disponíveis no mundo: americano, europeu e nipo-brasileiro. A grande vantagem do sistema nipo-brasileiro é a transmissão gratuita para celulares e o não pagamento de royalties pelo middleware usado nos conversores de sinal.

O Brasil vem obtendo avanços nas discussões para a adoção do padrão nipo-brasileiro de TV digital com países do Cone-Sul.

A intenção é que os países da região tenham uma mesma linguagem, o que permitirá maior intercâmbio cultural e tecnológico.

O Peru anunciou a adoção do sistema nipo-brasileiro de TV digital há quatro meses. Argentina e Chile também vêm mantendo entendimentos com o governo brasileiro, bem como os governos de Cuba e Venezuela.

Com agências

 

Sobre Osvaldo Bertolino

Jornalista, natural de Maringá — Noroeste do Paraná.
Esse post foi publicado em Equador, mídia e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s