Sim à redução de salários na Wetzel e não ao banco de horas

Os trabalhadores da Wetzel, em Joinvile (SC), aprovaram a redução de jornada e salários. Dos 232 votos, 87% disseram sim à proposta de reduzir o salário em 10%, com fator redutor de R$ 600 e 15% de jornada de trabalho.

Já os horistas da Wetzel Ferro — 379 votantes — negaram a proposta de banco de horas. 69,5% disseram não à medida.

A medida de redução de jornada vai atingir 280 trabalhadores mensalistas das divisões de Ferro, Alumínio, Eletrotécnica e Administração Coorporativa.

A redução começa a vigorar no próximo dia 20 e terá validade por três meses.

André Wetzel, vice-presidente da companhia, disse que estava preparado para qualquer resultado. Sobre a rejeição à proposta de banco de horas, o empresário disse que, por enquanto, tudo ficará como está.

“Era uma medida preventiva para o que pode vir adiante”, disse.

Wetzel disse que o principal impacto na produção se deu nas linhas voltadas ao setor automotivo, principalmente de auto-peças para veículos pesados.

O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Joinville e Região, Genivaldo Ferreira, destacou que a rejeição dos trabalhadores horistas à proposta de banco de horas reforça a percepção de que o ritmo de produção está voltando a se normalizar. 

A Wetzel tem 1.200 trabalhadores e como não conseguiu acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos, teve de recorrer à Justiça do Trabalho para poder realizar a votação.

A informação é do jornal A notícia

 

Sobre Osvaldo Bertolino

Jornalista, natural de Maringá — Noroeste do Paraná.
Esse post foi publicado em Crise financeira, sindicalismo, trabalhadores e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s