Petroleiros propõem nova entidade nacional da categoria

No encerramento do 3º Congresso da Frente Nacional dos Petroleiros (FNP), em São José dos Campos, foi aprovada a criação de uma nova entidade nacional da categoria.

A discussão já vinha acontecendo há pelo menos três anos por divergências sindicais com a Federação Única dos Petroleiros.

Agora, a FNP reúne 50% dos trabalhadores da ativa, cerca e 25 mil pessoas, e outros 90 mil aposentados.

O congresso começou na quinta-feira e na sexta-feira organizou um protesto na frente da Refinaria Henrique Lage, a Revap, com distribuição de panfletos sobre a campanha nacional “O petróleo tem que ser nosso”, que pede a total estatização da Petrobras.

Segundo o presidente do Sindipetro de São José dos Campos, José Ademir da Silva, a plenária final, que contou com a participação de 160 pessoas, ainda aprovou a participação da FNP da abertura do Congresso da União Nacional dos Estudantes (Une) que vai debater a campanha da reestatização.

“Também estaremos no ato unificado com as centrais sindicais, no dia 14 de agosto, na avenida Paulista, em São Paulo, contra crise financeira e pela Petrobras 100% estatal”, acrescentou.

José Ademir da Silva disse que os próximos passos serão sobre o estatuto da nova entidade e estudos para a recomposição das perdas salariais da categoria, que tem dissídio em setembro.

“Até o final de julho entregaremos nossa pauta de reivindicações”, completou.

A informação é da Agência Estado

 

Anúncios

Sobre Osvaldo Bertolino

Jornalista, natural de Maringá — Noroeste do Paraná.
Esse post foi publicado em sindicalismo, trabalhadores e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s